in

Casal gay recebe ameaças em estádio após se abraçar durante jogo

Um casal gay resolveu se abraçar no estádio durante um jogo entre Vasco e Cruzeiro, no último domingo (01). Algumas pessoas tiraram foto do momento, e agora os dois estão sofrendo ameaças das torcidas organizadas.

Em uma entrevista ao jornal BHAZ, uma das vítimas contou que sempre vai ao estádio e que é apaixonado pelo cruzeiro. “Fui porque o Mineirão está fazendo uma parceria com uma ONG que eu trabalho, aí a ação apareceu no telão, foi o lançamento do vídeo, fui lá só para prestigiar mesmo. Estava com o meu namorado, que também é cruzeirense, e trabalha nessa ONG”, contou o torcedor.

“A gente estava vendo, esperando o vídeo passar. Estávamos nos abraçando, beijando, como um casal normal, nada de mais. Eu achei que não tinha dado em nada, que nada tinha acontecido”, conta o torcedor. “Mas ontem [terça-feira], por volta das 18h, eu comecei a receber, de vários amigos, essa foto com algumas mensagens. Me falaram para ter cuidado. Foi tudo muito assustador, porque, em meia hora, oito pessoas me mandaram isso”, completou.


Como seria o homem perfeito para você?
Todo mundo tem um tipo de homem perfeito, algumas pessoas têm algo muito bem definido e específico e outras pessoas menos.

Achar o cara perfeito – ou quase perfeito – nem sempre é uma tarefa fácil quando estamos buscando no lugar errado. E isso deve estar acontecendo com você!

O cara perfeito incluí também o que ele deseja. Se apenas uma noite, um lance rápido, um namoro e até um casamento.

Talvez esteja difícil para você encontrar essa pessoa porque ainda não procurou no Disponivel.com. Com mais de 548.284 homens cadastrados tenho certeza absoluta que o “seu número” está lá te esperando. Clique aqui e comece agora mesmo.

Written by Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Ex-líder que praticava a terapia da ‘cura gay’ se assume homossexual

HQ dos Vingadores esgota após tentativa de censura de Crivella