in ,

Em Convenção sobre turismo LGBT, Governo Federal apresenta o Brasil como um país gay-friendly

O Brasil é o principal ponto turístico da América Latina e um dos mais visitados em todo o mundo. Por ano, são milhões de turistas, dos quais, boa parcela, são lésbicas, gays, bissexuais e transexuais. De olho nesse público e no “Pink Money”, o Governo Federal apresentou o Brasil como um destino gay-friendly durante a 34º Convenção Anual Global da IGLTA, promovida pela Embratur. O evento aconteceu no estado da Flórida, nos Estados Unidos, e reuniu cerca de 400 profissionais da área de turismo de 36 países. Durante o encontro, foram debatidas políticas públicas para atrair cada vez esse nicho que gasta bilhões de dólares todos os anos com viagens internacionais. No tocante ao Brasil, que tem a pretensão de sediar o Gay Games 2026, no Rio de Janeiro, além das políticas públicas, entrou em pauta a infraestrutura da cidade que, recentemente, foi palco das Olimpíadas. Vinicius Lummertz, presidente da Embratur, destacou que os LGBT são “um importante nicho de turismo e negócios mundo afora. Eles buscam destinos em que sejam acolhidos e que participem de uma verdadeira evolução social, que também passa pelo serviço de turismo”.


Como seria o homem perfeito para você?
Todo mundo tem um tipo de homem perfeito, algumas pessoas têm algo muito bem definido e específico e outras pessoas menos.

Achar o cara perfeito – ou quase perfeito – nem sempre é uma tarefa fácil quando estamos buscando no lugar errado. E isso deve estar acontecendo com você!

O cara perfeito incluí também o que ele deseja. Se apenas uma noite, um lance rápido, um namoro e até um casamento.

Talvez esteja difícil para você encontrar essa pessoa porque ainda não procurou no Disponivel.com. Com mais de 548.284 homens cadastrados tenho certeza absoluta que o “seu número” está lá te esperando. Clique aqui e comece agora mesmo.

HOT: Assista ‘a cena de sexo gay mais explícita da TV’ que foi ao na série ‘Deuses Americanos’

Thammy Miranda revela que recusou papel em ‘A Força do Querer’ por causa da política