in ,

Em vídeo, Beyoncé pede justiça por assassinato de George Floyd; veja

Beyoncé
Foto: reprodução

A cantora Beyoncé, 38, pediu justiça a George Floyd, o homem negro recentemente asfixiado até a morte, aos 46 anos, por um policial em Minneapolis, Minnesota, acontecimento que é estopim da onda de protestos que tem ocorrido nos Estados Unidos contra o racismo sistêmico do país.

“Todos nós testemunhamos o assassinato dele em plena luz do dia”, disse a pop star no Instagram, referindo-se ao vídeo em que a morte de Floyd foi registrada. Nas imagens, que têm circulado intensamente pela internet desde o incidente em 25 de maio, a vítima é rendida por um policial, Derek Chauvin, que se ajoelha sobre seu pescoço e assim permanece, por quase nove minutos, até Floyd ficar inconsciente – e por mais quase três minutos após a vítima chegar a esse estado.

“Estamos com o coração partido e enojados. Não podemos normalizar essa dor”, continuou Beyoncé.

“George é nossa família, porque ele é americano. Tem sido várias as vezes em que vemos esses assassinatos violentos, e não há consequências [para os culpados]. Sim, alguém foi acusado, mas a justiça está longe de ser alcançada.”

A cantora ainda pediu a seus quase 150 milhões de seguidores na rede que apoie a causa fazendo doações a instituições que combatem o racismo nos EUA.

 


Como seria o homem perfeito para você?
Todo mundo tem um tipo de homem perfeito, algumas pessoas têm algo muito bem definido e específico e outras pessoas menos.

Achar o cara perfeito – ou quase perfeito – nem sempre é uma tarefa fácil quando estamos buscando no lugar errado. E isso deve estar acontecendo com você!

O cara perfeito incluí também o que ele deseja. Se apenas uma noite, um lance rápido, um namoro e até um casamento.

Talvez esteja difícil para você encontrar essa pessoa porque ainda não procurou no Disponivel.com. Com mais de 548.284 homens cadastrados tenho certeza absoluta que o “seu número” está lá te esperando. Clique aqui e comece agora mesmo.

Ellen DeGeneres

Ellen DeGeneres não tem mais paciência com acusações de bullying, diz revista

Lea Michele

Após acusações de racismo e bullying, Lea Michele se posiciona: ‘Precisamos ouvir e entender’