in ,

Homofobia não é liberdade de expressão

Pois é gente, dei uma sumidinha, mas estou voltando, com a corda toda, em um assunto que vem me incomodando. Sei que este espaço é destinado a priori para falar dos bastidores do meu trabalho literário, mas é sempre bom aproveitar onde temos voz pra expor questões relevantes do nosso cotidiano.

Primeiro meu sumiço. Interrompi as postagens porque este foi um período em que o site A Capa fez algumas matérias referentes ao Mundo de Treppi. É, porque essa parceria não se resume ao blog. Ele é utilizado mais no sentido de fazer o dia a dia do "reality show literário virtual", e a parte que é notícia entra no conteúdo da redação. Pra evitar uma overdose de Treppi, fiz essa pausa.

Chegando ao tema, tenho visto muita gente falar que aquele político que não se diz o nome tem o direito de manifestar suas ignorâncias homofóbicas. Outros também dizem o mesmo sobre religiosos que gritam contra gays e querem exorcizá-los. E ainda tem quem defenda o "direito" de pessoas serem contra casamento gay.

De trás pra frente: A quem pode interessar um casamento gay a não ser aos gays que vão se casar? No que o casamento de uma pessoa interfere com a vida da outra? Como alguém consegue ser contra uma coisa que não tem nada a ver com ela?

Misturando tudo: Realmente todo mundo tem direito ao próprio gosto, por mais incompreensível que isso seja. Sim, porque qualquer um que pare pra pensar vê como é incompreensível não se gostar de homossexuais, sendo que a homossexualidade só interfere com a vida do próprio indivíduo. Sem contar que a maioria que fala que não gosta de gays, convive, e gosta, de muitos gays, sem nem saber que são gays. Por isso a visibilidade muda muita coisa, ao demonstrar para o intolerante a grande tolice que é o seu pensamento.

Enfim, pra encurtar conversa, a gente tem visto muito "preconceito em represália", principalmente dirigido às religiões. Aí é que entra o ponto. Religião sim, é liberdade de expressão. Todo mundo deve ter garantido o direito de acreditar no que quiser, e da forma que lhe fizer bem. Agora, se essa crença passa a interferir com a vida do outro, principalmente no sentido de condenação, limitação legal e até mesmo incitação à violência, a coisa muda de figura. Tudo tá muito certo enquanto fica no campo individual, da mesma forma que é totalmente individual ser gay ou hetero e ninguém vê gays na rua tentando converter os outros ou qualificar como certo ou errado modos de vida diferentes dos seus.

Ser homofóbico é questão de foro intimo, e cada um que busque internamente suas razões. Agora, manifestar homofobia não tem nada a ver com liberdade de expressão, e já tá passando da hora de certos grupos radicais e fundamentalistas aprenderem a separar as coisas. O recado vale também para alguns "moderninhos de plantão", ávidos por demonstrar tolerância injustificável com este equívoco de conceitos.

Beijão!


Como seria o homem perfeito para você?
Todo mundo tem um tipo de homem perfeito, algumas pessoas têm algo muito bem definido e específico e outras pessoas menos.

Achar o cara perfeito – ou quase perfeito – nem sempre é uma tarefa fácil quando estamos buscando no lugar errado. E isso deve estar acontecendo com você!

O cara perfeito incluí também o que ele deseja. Se apenas uma noite, um lance rápido, um namoro e até um casamento.

Talvez esteja difícil para você encontrar essa pessoa porque ainda não procurou no Disponivel.com. Com mais de 548.284 homens cadastrados tenho certeza absoluta que o “seu número” está lá te esperando. Clique aqui e comece agora mesmo.

Rihanna faz cenas de sexo e usa drogas em novo clipe; assista

Madrid é escolhida para sediar maior feira de turismo gay do mundo