in ,

Megga Club libera programação de festas para Parada Gay de SP

A Megga Club se prepara para voltar novamente para a noite paulistana. O clube, que passa por reformas, promete surgir repaginado para a Parada Gay de São Paulo. A Megga arma duas grandes festas, uma na quinta-feira (23) e outra no sábado (25).

Na quinta, o clube recebe o DJ americano Bill Hallquist. Bill é residente de dois clubes da Flórida e já se apresentou em várias festas tupiniquins. No sábado, é a vez do canadense Stephan Grondin. O DJ, que costuma fazer um set preciso, já tocou em vários clubes importantes da cena ao redor do mundo, como o Stereo de Montreal, o Salvation de Miami e o Ministry of Sound de Londres. O moço também já produziu remixes para artistas como Lara Fabien e Suzane Palmer.

De cara nova, o clube deve trazer a pista repaginada com estrutura de som espanhola e design de luz assinado pela Decomarc. Confira o line up completo das duas noites:

Quinta – 23/06
DJs Bill Hallquist, Igor Magalhães, Paulo Agulhari e André Medeiros.

Sábado – 25/06
DJs Stephan Grondin, Jeff Vale, Paulo Agulhari, Cella Toledo e André Medeiros.

Serviço:
Megga Club
Local: Rua Achilles Orlando Curtolo, 646 – Barra Funda
Preço: R$ 40 homens e R$ 60 mulheres (homens têm desconto com flyer ou nome na lista pelo site www.meggaclub.com.br)


O DJ Bill Hallquist


Como seria o homem perfeito para você?
Todo mundo tem um tipo de homem perfeito, algumas pessoas têm algo muito bem definido e específico e outras pessoas menos.

Achar o cara perfeito – ou quase perfeito – nem sempre é uma tarefa fácil quando estamos buscando no lugar errado. E isso deve estar acontecendo com você!

O cara perfeito incluí também o que ele deseja. Se apenas uma noite, um lance rápido, um namoro e até um casamento.

Talvez esteja difícil para você encontrar essa pessoa porque ainda não procurou no Disponivel.com. Com mais de 548.284 homens cadastrados tenho certeza absoluta que o “seu número” está lá te esperando. Clique aqui e comece agora mesmo.

“O gay-friendly no Brasil ainda tem ranço comercial”, diz presidente da Parada Gay de SP

Bancada evangélica organiza ato contra projeto de lei que criminaliza a homofobia